Munique é uma cidade apaixonante que nos surpreendeu em muitos sentidos. Uma das experiências mais legais da viagem foi descobrir mais sobre o Oktoberfest, uma tradição que se mantém há mais de 200 anos e que se tornou um grande símbolo cultural da Bavária. Se você sonha em um dia participar do maior festival da Alemanha, aqui vão algumas dicas pra já ir entrando no clima:

Oktoberfest de Munique - Tenda da cervejaria Paulaner desfile

Desfile do Oktoberfest

1.      O Oktoberfest começa em setembro

O nome não parece deixar dúvidas, mas a verdade é que a maior parte do “festival de outubro” acontece em setembro! Como regra geral, a festa dura 16 dias e termina no primeiro fim de semana de outubro – mas se o primeiro domingo do mês for dia 1º ou 2, daí a festa segue até o dia 03/10, que é feriado nacional na Alemanha. Em 2017, o Oktoberfest de Munique começa dia 16/09 e vai até 03/10. Sempre há alguns dias com programação especial, incluindo desfiles, salva de tiros, concertos e até missa!

Festival de primavera na Alemanha - Tenda da Augustiner - foto do blog Vontade de Viajar

Tenda da Augustiner

2.      O Oktoberfest é um grande parque de diversões

Eu sempre ouvi falar das tendas de cerveja, mas foi uma surpresa chegar no parque Theresienwiese e me deparar com barraquinhas de doces, brinquedos, roda gigante, trem fantasma… O Oktoberfest acontece em meio a um enorme parque de diversões! Muita gente leva os filhos para curtir o festival e há inclusive “Family days” às terças-feiras, com desconto para crianças nos tickets dos brinquedos.

Além de dar uma volta na roda gigante, a gente fez questão de provar as castanhas carameladas (famosas “bavarian nuts”) e levar um tradicional biscoito de gengibre, daqueles enfeitados em forma de coração.

Oktoberfest de Munique - Parque de diversoes

Parque de diversões

3.      Theresienwiese fica no centro e tem metrô

O Oktoberfest recebe mais de 6 milhões de visitantes por ano, mais que 4 vezes a população da cidade de Munique! Eu poderia jurar que um festival dessa dimensão tivesse que ser feito num lugar bem afastado do centro (mais ou menos como a Cidade do Rock durante o Rock in Rio)… mas não!

O parque Theresienwiese (pronuncia-se “terrezian-vize”) fica a 25 minutos a pé da Marienplatz, a praça principal do centro de Munique, e o melhor: a estação de metrô Theresienwiese já sai no meio das barracas e tendas! A entrada no parque é grátis, você só paga o que consumir e os tickets para os brinquedos.

Veja ofertas de hotéis perto de Theresienwiese no Booking.com
Oktoberfest de Munique - Canecas de cerveja

Canecas gigantes de cerveja

4.      As tendas lotam às 11h da manhã

Nos fins de semana do Oktoberfest, as “beer tents” abrem às 9h da manhã e em apenas 2 horas já estão completamente lotadas. Isso não é pouca coisa: são ao todo 14 tendas com lotação média de 5 mil pessoas cada e outras 20 menores com capacidade de 300 a 400 pessoas. Nos dias de semana, as tendas abrem às 10h e ainda há esperança de conseguir um lugar pra sentar até a hora do almoço – aproveite para experimentar os pratos típicos de carne de porco e salsicha, acompanhados de batatas e pretzels!

Leve dinheiro vivo e vá preparado para gastar: as canecas de 1 litro de cerveja custam de € 9,10 a € 9,50 e você paga à garçonete na hora (não se deixa para “fechar a conta” no final). O esforço para entrar nas tendas vale a pena, primeiro porque eles não servem quem está de pé, segundo porque é contagiante ver a galera com as roupas típicas subindo nas mesas para cantar e dançar, ouvir a banda tocar e beber cerveja com gente de toda parte do mundo. Super divertido!

Oktoberfest - Tenda da cervejaria Paulaner

Tenda da cervejaria Paulaner

5.      O Oktberfest de Munique parece uma Festa Junina

Guardadas as devidas proporções, o Oktoberfest de Munique tem várias semelhanças com uma festa de São João… É um festival popular com brincadeiras, barraquinhas de comida, muita bebida e roupas típicas dos fazendeiros da região – os meninos usam Lederhosen (bermuda e suspensório) e chapéu Tirolerhüte, enquanto as meninas usam o Dirndl (aquele vestido com um babados no decote e um “avental” sobre a saia). Se você reparar, a música típica também é uma espécie de sertanejo das antigas – letras engraçadas ou de amor, sonoridade meio cafoninha mas todo mundo sabe cantar e se diverte!

Oktoberfest de Munique - Brinde

Um brinde!

6.      Gincana de passaportes australianos

Não é segredo que os jovens australianos adoram uma boa festa e uma boa cerveja! Eles são os turistas que mais comparecem ao Oktoberfest e possivelmente os que mais bebem durante o festival. O problema é que no meio da bebedeira eles perdem não apenas a compostura mas também o passaporte!

A coisa começou a virar piada e hoje em dia tem uma espécie de gincana entre meninas de Munique: quem surrupiar o maior número de passaportes australianos ganha um barril de cerveja pra dividir com as amigas! Dizem que a campeã do último ano apresentou mais de 280 passaportes! 😛

Oktoberfest - Biscoitos de gengibre decorados em formato de coracao

Biscoitos de coração

Pior para os australianos, que, sem o documento, não podem embarcar no avião de volta pra casa nem sequer pegar um trem para Berlim, onde fica a Embaixada da Austrália na Alemanha. Para evitar dor de cabeça, a Austrália passou a montar um serviço de emissão de passaportes temporários dentro da Embaixada do Reino Unido, em Munique. De qualquer forma, fica a dica: não vacile com o seu passaporte!

7.      Tudo começou com uma festa de casamento

O primeiro festival foi realizado na ocasião do casamento de Ludwig I, então príncipe da Bavária, e sua noiva Teresa, em 1810. O parque foi o presente de casamento dele para ela, daí o nome Theresienwiese. Para celebrar o casamento real, eles fizeram uma grande festa para todo o povo da Bavária, com direito a corrida de cavalo e outras atrações.

Mais de 180 edições depois, a cerveja servida no festival é feita até hoje com a mesma receita original de 1810 – por isso recebe o nome Oktoberfestbier, e é produzida exclusivamente por cervejarias locais.

Oktoberfest - Tenda da Cervejaria Augustiner no Festival de Primavera

Tenda da cervejaria Augustiner

8.      Também existe o Frühlingsfest

O Festival de Primavera, realizado no fim de abril e início de maio, é uma versão menor do Oktoberfest – talvez seja simplesmente uma desculpa pra beber e se divertir a meio caminho entre um Oktoberfest e outro.

Tudo está lá: o parque, a música, as roupas típicas, as tendas de cerveja… A diferença é que no Frühlingsfest há apenas 3 grandes tendas de cerveja em vez de 14 (mas admita que seria improvável conseguir visitar as 14 de qualquer forma).

O ponto positivo é que você consegue uma mesa sem reserva e não pega fila nos brinquedos. É um jeito legal de sentir o gostinho da experiência sem ter que enfrentar muvuca nem ter que pagar preços de super alta temporada nos hotéis.

Leia também:

Um guia para beber as melhores cervejas de Praga
O roteiro da nossa viagem de 15 dias pela Alemanha
Share

19 Comentários

  1. Adorei esse post sobre as curiosidades do Oktoberfest! Tenho descendência alemã e to indo conhecer o país no final do ano. Não vejo a hora de conhecer melhor as minhas raízes. Gente, alguém pode me indicar seguro viagem? Beijos.

    • Legal, Luana! Vai pra onde na Alemanha? Acabei de voltar de lá e estou completamente apaixonada pelo país! Dá uma olhada nos outros posts aqui no blog (http://vontadedeviajar.com/tag/alemanha/) e fica de olho pq ainda vai ter muita dica nova nos próximos meses! 🙂
      Não deixa de ir no Castelo de Neuschwanstein, que é lindo demais: http://wp.me/p4eMct-1qU

      Sobre o seguro, alguns dos mais renomados são ISIS, Mondial, GTA e Allianz, mas alguns planos de saúde aqui do Brasil também têm assistência internacional (Unimed, por exemplo).
      Beijos e boa viagem!

  2. Legal o post! Sou de Blumenal e a Oktoberfest de lá é muito legal. Mas eu ñ sabia de todos esses datalhes sobre a história da festa. Luana, na minha última viagem fechei o seguro c/ a TouristCard. Bj.

  3. Caraio … há 20 e poucos anos eu e uns amigos fomos à “OK” … mandamos fazer umas camisas com o DDD 021 estampadas… foi uma maravilha….

  4. Hummm.. Tou amando o seu blog.
    Estou morando na França e uma passagem para Munique está custando o dobro ou o triplo do que para outras cidades alemãs, como Stuttgart. Eu já vi que existe “Oktoberfest”, no mesmo padrão que em Munique, com tendas, parques, brincadeiras, comidas etc. Você acha que vale a pena, levando em consideração o custo-benefício?

    • Oi, Izabel! Valeu pela visita ao blog, que bom que curtiu!
      A tradição dos festivais é forte em toda a região da Baviera. Eu fui também no Frühlingsfest de Nuremberg e o parque é uma graça, mas é bem menor. Tudo depende se você quer ver a tradição local ou se quer participar da maior festa do mundo! Munique tem bem mais muvuca, sai mais caro, mas também é mais épico! hahaha 😀

  5. Olá Fernanda,
    Parabéns pelo excelente blog!
    Eu e minha esposa estaremos em Munique, de 20 a 23/SET (domingo à noite a quarta de manhã) . Como é a nossa primeira vez e o período é curto, queremos turistar de dia e curtir a festa depois das 17 ou 18 horas, pois depois da cerveja não rola mais turismo, né? rsrs. Ninguém é de ferro. Nossa dúvida é se a partir desse horário fica mesmo impossível arrumar lugar em qualquer tenda. E se não conseguirmos, teremos como beber cerveja em outros lugares na festa? Nos Biergartens locais também é difícil conseguir lugar? Nas barraquinhas de fora não vende cerveja?
    Obrigado!

    Marcelo e Daniele

    • Oi, Marcelo!
      Nesse horário é bem difícil encontrar lugar numa tenda, e eles não servem quem não está sentado… Há alguns quiosques menores no parque, talvez você consiga ao menos uma caneca 🙂 Beerhalls como o Hofbrauhaus são concorridos o ano todo, já Biergatens geralmente têm boa circulação (sempre tem gente chegando, mas sempre tem gente levantando). As mesas são grandes e é normal compartilhar com outros grupos, mas a verdade é que durante o Oktoberfest a população de Munique quadruplica (literalmente), então tudo fica super lotado e é difícil prever. Se for o caso, reserve 1 dia para ir cedo e garantir seu lugar – afinal, é uma das maiores festas do mundo!
      Valeu pelo comentário e boa viagem! Depois dá um pulinho aqui no blog pra contar se conseguiu! 🙂

  6. Ola, tenho uma duvida, no dia do family day so as crianças pagam menos ou todas as pessoas que estao la mesmo sem crianças ?
    Por exemplo, se eu quiser ir com meu marido nos brinquedos no family day a gnt paga menos nos brinquedos tbm ou nao ?
    Obrigada desde ja e muito util as dicas!!!

    • Oi, Rafaella! Não estive lá no family day, mas o site oficial diz que os tickets de todos os brinquedos têm preço reduzido de 12h às 18h 😉
      Quero ver um brinde de vcs lá – usa a tag #VontadeDeViajar no Instagram pra mostrar como foi!
      Bjos e boa viagem!

      • é, li essa informaçao mas tinha ficado em duvida. Mto obrigada e pode deixar, vou utilizar a hashtag sim!!!! =)
        Talvez nao no dia pq vou estar com algumas cervejinhas a mais hahaha mas depois com certeza!!
        Muito obrigada e sucesso !!

Exibir Comentários