Uma das melhores coisas de ter feito intercâmbio na França foi ter a oportunidade de viajar por todo o país e conhecer lugares lindos como Eygalières. Visitei essa cidadezinha de apenas 1.700 habitantes por indicação de um amigo francês que, quando soube que minha mãe iria me visitar, preparou um roteiro para nós conhecermos lugares onde somente os locais vão, segredinhos que os turistas não conhecem.

Hôtel de Ville de Eygalières

Eygalières era uma aldeia situada na extremidade norte das montanhas Alpilles, com suas oliveiras que serviram de inspiração para vários quadros de Van Gogh. Agora é uma agradável vila, ainda pequena, com algumas ruínas medievais no seu ponto mais alto e um famoso mercado provençal que acontece às sextas-feiras.

Oliviers dans les Alpilles. Van Gogh, 1889.

Meu ponto de partida para Eygalières foi Lyon, onde eu estava morando e estudando. Como não tinha acesso de trem, resolvemos alugar um carro e foi muito tranquila a viagem com o GPS. Era primavera na França e sabíamos que encontraríamos pelo caminho os lindos campos de lavandas, que colorem a região da Provence nesta estação.

O passeio de Lyon até a cidadezinha levou cerca de 2h30 e logo que estacionamos o carro nos sentimos em um verdadeiro cenário de filme europeu. Eygalières é encantadora, parecia uma cidade cenográfica e cada lugarzinho que visitamos foi especial. As casas de pedra que compõem o lugar são lindas, com suas portas de madeira esculpidas à mão.

Há vários mercadinhos com frutas e legumes frescos. Não hesitei e comprei logo um saco de cerejas, perfeitas nessa época do ano.

Mercadinho de Eygalières

Além de aproveitar as ruelas da cidade, é indispensável uma visita à Chapelle des Pénitents Blancs, igrejinha construída no século 16 e que hoje abriga o Pezet Museu Maurice, com artefatos pré-históricos e itens antigos da história do local.

As montanhas Alpilles proporcionam ao lugar vários produtos de azeite de oliva e vinho, e é possível visitar algumas fazendas de azeitonas para conhecer mais sobre o cultivo e fazer uma degustação. Eu acabei fazendo uma degustação dos produtos no restaurante que escolhi almoçar, o Bistrot L’Aubergine, onde também funciona um hotel (boa dica para quem só quiser continuar a viagem no dia seguinte).

Linda casa em Eygalières

Depois do almoço seguimos a viagem em direção a Avignon, mas a vontade era de ter passado um fim de semana inteiro em Eygalières, uma cidade perfeita para descansar e aproveitar o que há de melhor na França: boa comida e bom vinho!

Share

 

Seja o primeiro a comentar

Close